Sexta-feira, 3 de Janeiro de 2014

Quando amares, que seja de todo o coração

Quando amares, que seja de todo o coração, e nunca receies mostrar o teu amor. Deixa o teu amor ser como um livro aberto que todos possam ler. É a coisa mais maravilhosa do mundo, por isso deixa esse divino amor interior fluir livremente. O amor não é cego, ele vê o melhor que há na pessoa que se ama e assim ele faz emergir o que há de melhor. Jamais escolhas quem vais amar. Mantém simplesmente o teu coração aberto e ama constantemente a todos os seres, de igual modo. Agir assim é amar com o Meu divino amor. Ele é como o sol e brilha sobre todos sem distinção. O amor não deveria abrir-se ou fechar-se como uma torneira. O amor nunca é exclusivista, e jamais é possessivo. Quanto mais desejoso estiveres por partilhá-lo, maior ele se tornará. Retê-lo é perdê-lo. Deixa-o fluir, e ele voltará multiplicado por mil e tornar-se-á uma alegria e uma bênção para aqueles que o partilharem.

 

EILEEN CADDY – abrindo as portas que há em nós

publicado por EVOLUÇÃO às 07:22
link do post | comentar | favorito
|

.O Universo depende de cada um de nós como o Oceano depende de cada gota de água

.pesquisar

 

.Novembro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. SOMOS ENERGIA E ONDA

. Buscai primeiro o Reino, ...

. Deixa de te esforçares po...

. Quando estiveres em conta...

. A centelha divina está em...

. Tem consciência de que o ...

. Só quando Me é possível t...

. Não desperdices tempo nem...

. Quantas vezes, durante o ...

. Quando estás em desarmoni...

.arquivos

. Novembro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds